yarn sala

Pra driblar os dias cinzas e nublados do inverno gaúcho, há 3 anos aderi à ideia de “vestir” as árvores defronte o estúdio lugastal. Em 2013,  a ação ainda era vista com surpresa por alguns, mas já me alegrava  chegar diariamente ao trabalho e me deparar com aquela profusão de cores. Alguns anos antes tinha visto uma pequena árvore de tronco fino vestida com crochê numa visita à Buenos Aires, e não demorou pra tendência virar febre mundial.

yarn lu#ficaadica: capriche no tricô e não tenha pressa para acabar!  assista vídeo AQUI)

yarn lugastal(crochê feito com fios de malha para árvore do estúdio lugastal em 2015)

Criado a partir de 2000/2001, o  yarn bombing (“bombardeio de fios”) é uma ação criada por grupos que curtem tricô, crochê e manualidades em geral. A ideia consiste em nada mais, nada menos do que vestir objetos e cenas cotidianas; não causa danos aos espaços públicos e alegra incrivelmente os olhos de quem vê! No Brasil, a gaúcha Letícia Matos é pioneira no assunto com seu projeto 13 pompons, levando crochês, pompons e cores para diversas cidades do país. 

yarn leticia

Na última edição da CASA&CIA a matéria Intervenções tricotadas trouxe à tona o assunto, mostrando que quem tem aptidões manuais e um pouco de criatividade se aventura em transformar um simples fio de tricô em vestes para objetos da cinzenta cena urbana; e, como amante das novidades crafts que sou, seguem algumas referências de trabalhos lindos desenvolvidas pelo mundo!

yarn sala

yarn museo

banco croche

yarn bike

Imagens do site mymodernmet, pinterest e arquivo pessoal.

Ahhhh… um detalhe importante a ser partilhado; ao lado do estúdio lugastal tem uma parada de ônibus com grande fluxo diário; e dentre tantos sorrisos, elogios e sugestões (inclusive a de colocar pompons “tipo jabuticabas coloridas”), um pedestre reclamou que eu tricoto roupas para as árvores ao invés de dar roupa aos mendigos. É claro que ele não falou pra mim, mandou recado, e recado recebido, respondo aqui, caso ele me leia por aqui: tricotei com muita alegria cada ponto dessa decoração, faço com amor, com um gosto que talvez ele não entenda. Participo de campanhas do agasalho na escola das meninas, na supermercado e por onde mais tenha caixa de coletas, ajudo o próximo da minha forma -mas nada, nem ninguém, poderá me tirar o prazer de olhar pela janela e ver a expressão de alegria no rosto de quem passa por aqui. É incrível, e isso me deixa muito feliz!